20 setembro 2006

Falta-me...

Falta-me é o nome do documentário que apanhei por acaso ontem à noite na RTP1. Foi, no mínimo, surpreendente.
A ideia era simples, vários habitantes da região da Lisboa, de figuras conhecidas a completos anónimos, escreviam num quadro de ardósia o que lhes faltava.
Cultura, Amigo, Liberdade, Um Neto, Oportunidade, Apoio, Emprego Melhor, Nada e Tudo, Pai e Mãe, Saúde, Amor - foram algumas das palavras. Dinheiro, talvez ao contrário do que estava à espera, muito poucos escreveram. O que me deixou a pensar foi na quantidade supreendente de pessoas a quem falta algo tão simples, no entanto tão díficil - Felicidade.

Se eu tivesse um quadro poderia ler-se Ousadia.

E no teu?

2 comentários:

disse...

No meu poder-se-ia ler Auto-confiança

Take a guess disse...

No meu poder-se-ia ler um arsenal de armas de destruição maciça à minha disposição. Acho q era tb o q o Saddam escreveria.