30 janeiro 2009

Trust no one

Porque eles podem fazer coisas que de tão inacreditáveis nem há palavras para as mencionar. Podem, vejam só, manipular, enganar e esconder, capazes de fazer o absolutamente impensável.
Eles, aqueles que imaginais que vos são próximos, têm recursos e estratégias, são prósperos em acções e palavras e mantêm-vos na ignorância propositada.
Não há qualquer hipótese.

E eu tive a sorte de ser completamente surpreendida por uma cambada dessas pessoas no meu dia de anos, com a cumplicidade dos meus próprios pais.

Obrigada Pedro, Nelma, Danih, Fi, Akiu, Kikas, Twine, Joãozinho, Cash, Mónica, Bruno, Jorge, Rodrigo, Joana A, Joana S, 17, Waffles.

E obrigada especialmente aos responsáveis pelo pagamento da minha próxima consulta no cardiologista e por uma das coisas mais bonitas que me aconteceram, Ana e Rupes.

Adoro-vos.

3 comentários:

disse...

Que irmã desnaturada que eu sou... Só mandei uma mensagem e ainda por cima pelo telemóvel... Shame on me! :(

rup disse...

Eles há gente capazes de tudo de facto! :D

Bé: Yeah... that was my bad :( sorry...!

Paula disse...

Bé, basta que se lembrem e já me fazem o dia.
A tua lembrança vem todos os anos, certinha, desde há 18 anos. Que mais posso pedir de uma amizade assim? :)