28 janeiro 2008

Nespresso. What else?

Como não há fome que não dê em fartura, foi só por um header e veio logo outro atrás, mas tinha que ser. Blog com café no nome tinha que ter uma menção digna à nata da nata no que toca a cafés.
Já andava a namorar descaradamente a Nespresso há muito mais tempo do que aquele que quero admitir e apesar de não dispensar a minha interacção com o café no que toca a moagem, pressão, temperatura da água e outros parâmetros indispensáveis para tirar um bom café, há qualquer coisa na Nespresso que me deixa desarmada. A máquina é linda, os bombons com o café são perfeitos, e, o mais importante, o café... ai o café.
A Nespresso é o Thierry Henry do café - é caro, muito elegante e é um prazer.

Tenho uma Nespresso. Uma Essenza D100 Glam Red. E só não a trago na carteira porque não é wireless.

2 comentários:

leandro disse...

oh... entao... uh!... o q... mas... eu acho que so' cheguei a ver o anterior uma vez... e nem foi com muita atencao...!

Thierry Henry (!!) huh!?

Paula disse...

Eu vou ver se volto a por o outro header :)